PUBLICIDADE

Auxílio Emergencial injetou mais de R$ 70 milhões na economia de Birigui

O Auxílio Emergencial é um benefício financeiro concedido pelo Governo Federal destinado aos trabalhadores informais, microempreendedores individuais (MEI), autônomos e desempregados.


Por Redação - Mantaro* | 25/08/2020 • 20h19

Auxílio Emergencial do governo federal de R$ 600,00 injetou R$ 70,7 milhões na economia de Birigui, beneficiando 31,1 mil moradores. Os dados foram divulgados pelo Observatório de Inteligência Econômica da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e apresentam informações sobre as transferências do benefício para residentes no município entre abril e junho de 2020.


O benefício financeiro foi criado para auxiliar trabalhadores informais, microempreendedores individuais (MEI), autônomos e desempregados que tiveram a renda comprometida durante a pandemia de Covid-19.


O Ministério da Cidadania classifica as pessoas beneficiadas (elegíveis ao programa) em três categorias: beneficiários do programa Bolsa Família; inscritos no Cadastro Único (CadÚnico) e extracad, que inclui o público que está fora do CadÚnico.


Em Birigui, os beneficiários do Bolsa Família receberam R$ 9,6 milhões, o que equivale a 13,6% do total dos recursos recebidos em Birigui; Já os inscritos no CadÚnico receberam R$ 10,4 milhões (14,7% do total). A maior parcela, de R$ 50,6 milhões, equivalente a 71,6% dos recursos, foi destinada ao público Extracad.


Segundo a Secretaria de Desenvolvimento Econômico, a política econômica do governo federal em conjunto com as estratégias locais de desenvolvimento econômico local implementadas pela administração municipal foram importantes para reduzir o impacto da crise econômica no município.


Conforme o Observatório de Inteligência Econômica, o resultado do mercado de trabalho nos meses de junho e julho constituem uma espécie de termômetro, indicando uma melhoria na empregabilidade da estrutura produtiva biriguiense, já que nos dois meses Birigui apresentou saldo positivo na geração de empregos.


O Observatório de Inteligência Econômica é desenvolvido pela Prefeitura de Birigui, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico. A estrutura é responsável por realizar estudos e pesquisas econômicas e acompanhar a evolução dos indicadores econômicos da cidade.


O objetivo é suprir demandas de informações e conhecimentos dos agentes econômicos do município e subsidiar o desenvolvimento de políticas públicas voltadas a geração de emprego, renda e ao desenvolvimento local.


Serviço

Outras informações podem ser obtidas na SDE: rua Nilo Peçanha, 301, Centro. O telefone é (18) 3641-62-70.

* Com informações da Assessoria de Imprensa da prefeitura de Birigui

REDES SOCIAIS

Mantaro Branco.png

CATEGORIAS

SIGA-NOS

  • Facebook - Círculo Branco
  • Twitter - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle

© 2020 Mantaro - Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo sem autorização.